Dicas, cursos, tutoriais, artigos, análises e críticas relacionadas a todo universo DJ

Uncreative place

www.uncreativeplace.com.br

Um espaço com visual e conteúdo jovem

Após alguns anos escrevendo como colaboradora para alguns blogs, Bianca Caroline, uma jovem estudante apaixonada por livros, filmes, séries, músicas e várias outras artes, resolveu criar seu próprio espaço na grande rede e em Agosto de 2016 começou a disponibilizar artigos, análises, críticas e indicações de arte em geral.

Que ritmo ou estilo é mais fácil de aprender a mixar para se tornar um DJ?

A grande maioria das pessoas quando se interessa pela atividade DJ ficam preocupadas achando que o difícil é aprender a manipular os equipamentos, porém estes são os mais fáceis e podem ser aprendidos até de graça. Apesar de não ser difícil se comparado com os equipamentos, o que requer mais dedicação e atenção é aprender a ler, interpretar e dominar a música, principalmente de alguns ritmos.

Cada gênero, ritmo e estilo têm suas particularidades, virtudes, deficiências, facilidades e dificuldades. Mesmo que não goste, tecnicamente, DJs bons de verdade têm habilidades para mixar qualquer música, ritmo e / ou estilo “voltados” para DJs (House, Techno, Rap / Hip-hop, Trance, DnB / Jungle, Funk, dentre vários outros, e todas as suas variantes/ vertentes). Devido a falta de um treinamento adequado, a maioria dos iniciantes e DJs menos habilidosos / preparados, têm mais facilidade com músicas, ritmos e / ou estilos onde predominam batidas retas, sem melodia e que tenham a presença de instrumentos de marcação o tempo todo, o que as caracteriza como muito mais fáceis. Já os DJs auditivamente mais habilidosos, que realmente dominam a música de ouvido, têm mais flexibilidade e tocam o que combina com o momento, independente da sonoridade, ritmo e / ou estilo. Alguns DJs, além de habilidosos são também audaciosos, e combinam ou contrastam músicas de diferentes ritmos e / ou estilos próximos quanto a velocidade. Para ser bom de verdade rapidamente, mesmo que queira ser especializado / goste de apenas um ritmo, o ideal é que busque vencer obstáculos, e que se domine pelo menos uns 4 ou 5 ritmos distintos, principalmente os estrutural e sonoramente mais complexos. É bom deixar claro que em todos os ritmos / estilos há músicas mais fáceis e músicas mais difíceis, assim como toda música tem trechos mais fáceis e trechos mais difíceis, porém em algumas músicas predominam os trechos mais fáceis e em outras os trechos mais difíceis. O mesmo ocorre quanto aos ritmos, ou seja, em alguns ritmos predominam os trechos mais difíceis e em outros os trechos mais fáceis. Saiba também que a dificuldade é relativa às habilidades e que antes de um treinamento adequado tudo parece difícil. Após desenvolver as principais habilidade auditivas através de um treinamento adequado e eficiente que poderá durar de alguns dias a no máximo alguns meses (dependendo da dedicação), a medida que dominar música de ouvido, a grande maioria dos ritmos, estilos e músicas se tornarão mais fáceis. Somente alguns poucos estilos, músicas e trechos musicais poderão ser menos confortáveis e / ou gerar um pouco de dificuldade devido a possíveis erros estruturais. Alguns ritmos e estilos ideais para se treinar o ouvido após dominar músicas relativamente mais fáceis são o DnB, Hip-Hop, Tribal-house e alguns outros, pois são os que a maioria dos iniciantes tem um pouco mais de dificuldade. Alguns ritmos e / ou estilos “complexos” ao serem dominados geram muito mais habilidade e precisão auditiva. Sets com músicas estrutural e sonoramente muito parecidas, normalmente são feitos por DJs menos preparados, que não arriscam por não terem real domínio auditivo / musical.
Muitos DJs de hoje em dia, inclusive alguns “renomados”, preferem fazer mixagens impecáveis, em sequências previamente ensaiadas de músicas muito fáceis e próximas quanto a sonoridade e estrutura, do que correr o risco de cometer pequenos erros nas mixagens. DJs mais audaciosos correm o risco de cometer pequenos erros devidos a sua estratégia na escolha das músicas. Na grande maioria das vezes o risco é compensado, pois a resposta do público é melhor. O verdadeiro DJ, no seu molde / essência original, escolhe as músicas que vai tocar de acordo com a resposta do público e seu objetivo.

2 comentários para Que ritmo ou estilo é mais fácil de aprender a mixar para se tornar um DJ?

  • qual a melhor marca e modelo de uma controladora de djs?

    • Olá Evenilson, o melhor é aquele adequado ao bolso ($$$) de cada um, objetivos e diversos outros fatores. Temos vários artigos sobre este tema no site que o auxiliarão a não investir errado. Leia-os, pois lhe ajudarão bastante a amadurecer tecnicamente. Boa sorte em sua jornada!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Validação *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Link to my Facebook Page
Link to my Youtube Page