Dicas, cursos, tutoriais, artigos, análises e críticas relacionadas a todo universo DJ

Uncreative place

www.uncreativeplace.com.br

Um espaço com visual e conteúdo jovem

Após alguns anos escrevendo como colaboradora para alguns blogs, Bianca Caroline, uma jovem estudante apaixonada por livros, filmes, séries, músicas e várias outras artes, resolveu criar seu próprio espaço na grande rede e em Agosto de 2016 começou a disponibilizar artigos, análises, críticas e indicações de arte em geral.

Pitch control / controles de velocidade dos equipamentos para DJs

O que é? Para que serve? Qual sua função?

Pitch control / controles de velocidade dos equipamentos para DJs

O controle deslizante batizado de Pitch Control (controle de “tom”) deveria se chamar no universo DJ Speed Control (controle de velocidade), pois tem como principal objetivo na arte e ciência dos DJs alterar a velocidade da música para promover o  sincronismo da velocidade / BPM entre músicas. Em outras palavras, o controle de velocidade permite promover o ajuste e sincronizar a velocidade de uma música para a outra que está sendo reproduzida, acelerando ou desacelerando a velocidade do motor e consequentemente da música de acordo com as necessidades. No processo, se utiliza o prato como ferramenta auxiliar, que tem como função manter o alinhamento temporário o mais próximo possível, através de manipulações frequentes e relativamente sutis, enquanto se ajusta no “Pitch Control” / Speed Control até se conseguir um sincronismo “definitivo” / “permanente” o mais perfeito / preciso possível.

Em se tratando de toca-discos, dependendo do fabricante e modelo, é possível alterar a velocidade de uma música até aproximadamente 10% para mais ou para menos (no total 20%), porém, devido a uma “deficiência” / limitação natural da tecnologia dos toca-discos / Turntables analógicas, deve evitar alterar, acelerar ou desacelerar muito. A limitação é provocada pela mudança de tonalidade, ou seja, mudar a velocidade tem como consequência a mudança de tonalidade. Quanto mais se altera a velocidade mais fica evidente o problema, a mudança de tom. Esta mudança sonora é mais notada nos sons medianos, principalmente na voz / vocais e instrumentos que atuam nas mesmas frequências. Devido às novas tecnologias digitais, este problema pode ser evitado através da ativação de um “filtro de correção” que compensa a mudança de tom. Este recurso está presente hoje em praticamente todos os equipamentos digitais profissionais para DJs, CD/MP3 Players convencionais e nos softwares para DJs. Devido ao maior poder de processamento dos processadores dos desktops e laptops este recurso é mais eficiente nos softwares. Quanto maior o poder de processamento do equipamento melhor será a qualidade sonora.
Nos Players digitais, dependendo do modelo do equipamento, pode-se configurar o range / alcance para aumentar ou diminuir a velocidade original da música para até 100%, normalmente sem o “filtro”/algoritmo de correção / sustentação de tons, pois ele também tem limitações que variam de modelo para modelo. A limitação do filtro nos modernos equipamentos e softwares se dá mais na redução da velocidade. No Traktor Pro versão 2.6, um dos produtos atuais que tem o melhor algoritmo de sustentação, rodando em um computador com processador I7 3a. geração, deixando à parte a estética musical quanto a velocidade, consegui chegar a +50% e -30%, sem mudança auditivamente perceptível no tom da música. Mesmo com o sistema de sustentação / correção ativado, a utilização prática média do controle de velocidade é de 10%. Só alguns DJs mais audaciosos, criativos e em músicas que permitem / aceitam ultrapassam este limite, e mesmo assim, não costumam ultrapassar os 20%, só em casos muito especiais e/ou como efeito. O controle da velocidade depende de algumas características musicais que denominamos em nosso material didático “personalidade musical” e do filtro de correção de tons, conhecido como Master Tempo, Keylook, Pitchlook entre outros nomes. Como disse logo no início, o nome mais adequado devido a sua função primária em relação a arte e ciência DJ seria Speed Control. Para saber mais sobre o filtro de correção / sustentação de tom (Master Tempo / KeyLook/PitchLook) e controle de velocidade (“Pitch Control”) veja em nosso site um super artigo sobre o assunto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Validação *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Link to my Facebook Page
Link to my Youtube Page