Dicas, cursos, tutoriais, artigos, análises e críticas relacionadas a todo universo DJ

Uncreative place

www.uncreativeplace.com.br

Um espaço com visual e conteúdo jovem

Após alguns anos escrevendo como colaboradora para alguns blogs, Bianca Caroline, uma jovem estudante apaixonada por livros, filmes, séries, músicas e várias outras artes, resolveu criar seu próprio espaço na grande rede e em Agosto de 2016 começou a disponibilizar artigos, análises, críticas e indicações de arte em geral.

Qual o melhor tipo de equipamento para aprender a ser DJ? É preciso ter um equipamento caro / top de linha?

Devido as informações inadequadas, muitos têm muitas dúvidas, falsos conceitos e até preconceitos quanto aos equipamentos. Com isso, investem errado ou fazem perguntas semelhantes a estas na internet. Porém, não é necessário ter um super equipamento para se tornar um super DJ, pois DJs bons de verdade, realmente bem preparados, podem com equipamentos simples, administrar suas músicas e montar sequências em tempo real, ao vivo, de acordo com uma série de fatores e fazer a grande maioria de seu público se divertir muito, enquanto muitos DJs com equipamentos tops, extremamente sofisticados e repletos de recursos, mas sem o conhecimento, preparo e sem maturidade profissional não conseguem elevar o teor de animação do público nem a níveis medianos, ficando na maioria das vezes abaixo dos 30%, apenas com alguns poucos e curtos picos de alto teor de animação. Em muitas atividades e profissões, os equipamentos sofisticados, com vários recursos e efeitos só ampliam o potencial de quem já é bom de verdade. 

Melhores equipamentos para aprender a arte e ciência dos DJs

Melhores equipamentos para aprender a arte e ciência dos DJs

Qualquer um pode aprender e / ou até iniciar com equipamentos simples, como a maioria dos DJs começou. Como já deve ter percebido, não é o fato do equipamento ser top de linha, com muitos recursos, efeitos, facilidades e / ou caro que fará um DJ ser bom ou não, principalmente em pouco tempo. Inclusive muitos equipamentos básicos, simples e baratos de hoje são superiores aos tops equipamentos utilizados por DJs do mundo todo há 8, 10 anos atrás, e muitos destes ainda são utilizados até hoje por alguns DJs tradicionalistas.

É claro que bons equipamentos ajudam a ampliar o potencial de DJs bons de verdade, porém, podem dificultar e retardar o desenvolvimento das principais habilidades de iniciantes, devido a recursos tecnológicos mal interpretados e / ou usados de forma inadequada, e por não haver um treinamento adequado / bem dirigido. Recursos e / ou facilidades tecnológicas mal utilizadas podem gerar preguiça e relaxamento mental, minimizando assim expressivamente o potencial / desempenho do profissional.

Lembre-se que as ferramentas mais importantes para os DJs são o cérebro e os ouvidos. Os DJs bons de verdade, sabem ler, interpretar, dominam a música de ouvido, e sabem ler, interpretar e manipular / controlar / dominar o público de acordo com uma série de fatores. DJs bons de verdade quanto a repertório / set / sequência e domínio de pista / público, que têm em mãos equipamentos simples com o essencial, podem se sair muito bem e fazer as pessoas se divertirem muito. E se estes DJs tiverem em mãos equipamentos sofisticados, poderão aplicar efeitos presentes nos mesmos, para realçar ainda mais as músicas. Para quem não sabe, além de alguns recursos e facilidades tecnológicas, o grande diferencial de equipamentos mais sofisticados para modelos mais simples são justamente os efeitos como Loop, HotCue, Flanger/Jet, Pan, Transform, Filters, Echo, Scratch, Backspin, Brake/Zip, Reverse entre outros possíveis, que se bem utilizados, com maturidade, bom senso e coerência podem fazer a pista ficar um pouco mais animada. Porém de nada, ou pouco adianta os equipamentos serem sofisticados, com um monte de recursos e efeitos se o repertório / set / sequência e o público não forem bem administrados / trabalhados.

Enfim, inicialmente use o que seu bolso puder pagar, dedique-se, seja bom de verdade com o que tiver em mãos e corra atrás que com certeza conseguirá no futuro comprar os melhores equipamentos com o conhecimento, habilidades e talento construído / desenvolvido e ou natos.

Para finalizar, não confunda equipamentos básicos / simples (“categoria / peso leve”), com equipamento de baixa qualidade. Também é bom lembrar que os toca-discos utilizados durante décadas por DJs de todo o mundo, são equipamentos extremamente simples, principalmente se comparado aos super players digitais atuais, muitos que inclusive, simulam os toca-discos tradicionais.

RGT:2010

6 comentários para Qual o melhor tipo de equipamento para aprender a ser DJ? É preciso ter um equipamento caro / top de linha?

  • Ando muito interessado em fazer um curso de DJ, mas estou preocupado em gastar muito por não ter conhecimento nenhum. qual seria passo a passo para me especializar desde iniciante…pra min não ser enrolado por picaretas. também gostaria de ir montando os meus equipamentos oque eu vou precisar para ir mandando um som legal. desde já agradeço.obrigado

    • Olá Jeferson, tanto relacionado a curso, treinamento, quanto a equipamentos, o melhor é investir um tempo em alguns estudos rápidos e gratuitos que minimizam significativamente a possibilidade de investir errado, jogar dinheiro fora e ou se frustrar. Se quer ser realmente bom, não relaxe, não tenha preguiça de ler / estudar alguns artigos.

      Além de ter vários tutoriais para auxiliar o iniciante a entender conceitos, equipamentos e tecnologias, nosso site tem vários artigos ensinando como minimizar erros de investimentos.

      Para começar, navegue e leia os títulos e resenhas da lista de artigos do link abaixo, e leia os que julgar serem mais urgentes no momento.

      Na lista encontrará dicas valiosas que ampliarão significativamente o potencial e diferencial de quem não tem preguiça de ler / estudar.

      Infelizmente a maioria dos brasileiros são preguiçosos para ler, estudar o que é uma vantagem para quem não é, e tem sede de conhecimento.

      Assim como outros mercados, o universo DJ tem muitas armadilhas, insanidades, jogo sujo e concorrência desleal. Só quem se dedica de verdade tem chance de superar estes males.

       

      Bons estudos!

      Grande abraço!

      Wagner Pereira

  • Boa noite, gostaria de uma ajuda, estou em dúvida de qual controladora começo, estou com a oportunidade de adiquirir uma BCD3000 ou uma GEMINI CNTRL7, qual das duas me recomendaria, sou iniciante e não entendo, as duas estão em perfeito estado de funcionamento.

    • Gabriel, apesar de devido a diversos fatores hoje ambas não serem ideais nem mesmo para começar, a BCD3000 é bem antiga e a Gemini é mais recente. Entre as duas, diria que a melhor opção seria a CNTRL7. Estes dois equipamentos são muito imprecisos e podem tornar o aprendizado mais difícil do que realmente é, principalmente sem um instrutor verdadeiramente especializado em ensino e treinamento. Veja a possibilidade de adquirir uma Xponent da M-Audio. Assim como a BCD3000 ela já saiu de linha, porém é incomparavelmente melhor que a BCD, principalmente quanto a conforto operacional e precisão.

      Outra opção seria a CMD STUDIO 4a – esta ainda está em linha / produção, mas mesmo assim tem um excelente preço e relação entre custo X benefício. Ela é parecida com a Xponent quanto a conforto operacional e precisão. Ambas são muito boas para iniciantes. Aprendendo a utilizar de forma adequada, através de um treinamento bem direcionado e monitorado, ambas poderão ajudar o aspirante a ter as habilidades requeridas por um DJ de verdade, com relativa facilidade e rapidez. Veja o artigo do link abaixo para não investir errado e não se arrepender em um futuro possivelmente próximo.

       

      Abraços

      Wagner Pereira

  • Obrigado pelas dicas. Seria interessante ter uma ideia de preços também. Meu interesse é fazer mixagens como hobby. 

    • Olá Arnaldo, obrigado por visitar nosso site e deixar um comentário com sua opinião. Isso nos incentiva a escrever novos materiais. Quanto a preços, tornaria o artigo extremamente perecível tendo em vista que há muita variação devido a diferença entre vendedores, a surgirem novos equipamento (tipos e modelos) a todo momento e outros saírem de linha devido aos novos lançamento, e etc. Para manter artigos atualizados que contenham informações muito perecíveis, teria que investir muito tempo – que é usado para novos estudos, análises e desenvolvimentos de novos materiais para o site. Mesmo que não compre nele, uma boa forma de pesquisar, comparar e ter uma média de preços de quase qualquer coisa, é no http://www.mercadolivre.com.br.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Validação *

Siga-nos
Link to my Facebook Page
Link to my Rss Page
Link to my Youtube Page

Quanto aos anúncios

Ao clicar no anúncio, possivelmente sairá de nossa página. Se pretende permanecer no artigo / site deve clicar no anúncio com o botão direito do mouse e selecionar abrir em nova aba / guia ou janela.

 

Atenção

Não nos responsabilizamos pela qualidade dos produtos e serviços anunciados. Os anúncios são selecionados e divulgados automaticamente pelo mecanismo do Google Adsence de acordo com sua navegação e vários outros fatores / critérios. Não temos nenhuma ligação com os fornecedores / prestadores de serviços.