Dicas, cursos, tutoriais, artigos, análises e críticas relacionadas a todo universo DJ

Uncreative place

www.uncreativeplace.com.br

Um espaço com visual e conteúdo jovem

Após alguns anos escrevendo como colaboradora para alguns blogs, Bianca Caroline, uma jovem estudante apaixonada por livros, filmes, séries, músicas e várias outras artes, resolveu criar seu próprio espaço na grande rede e em Agosto de 2016 começou a disponibilizar artigos, análises, críticas e indicações de arte em geral.

DJs que tocam 100% de ouvido sabem tocar em qualquer modelo / tipo de equipamento

Mitos e falsos conceitos quanto a saber tocar em diferentes categorias, modelos e marcas de equipamentos

DJs que tocam de ouvido sabem tocar em qualquer modelo / tipo de equipamento

Não é o fato de dominar os recursos e efeitos específicos de uma ou duas CDJs que o faria ter intimidade instantânea com todos os recursos de todos os modelos da Pioneer, pois cada uma tem uma série de particularidades quanto a recursos, funções e sensibilidade. Porém como a grande maioria do melhores DJs nacionais e internacionais, com ouvido bem condicionado, bem trabalhado, com maturidade técnica e profissional, qualquer um se adapta rapidamente e se sai bem em qualquer equipamento. Fica ainda mais fácil para quem está iniciando se der uma analisada nos manuais dos equipamentos e em vídeos que podem ser encontrados gratuitamente na internet.

Após um treinamento auditivo adequado, bem dirigido, um DJ que se dedica, domina a música e toca bem de verdade, 100% de ouvido, em equipamentos simples, básicos, como CDJ 100 ou CDJ 200 da Pioneer, controlador BCD 2000/3000 da Behringer, Toca-Discos convencionais ou qualquer outro equipamento igualmente simples, básico, se adapta rapidamente e toca melhor ainda em equipamentos como o Xponent da M-Audio, NS7 da Numark, DN-S1200, DN-S3700 da Denon, CDJ 400, CDJ 1000, CDJ 2000 da Pioneer ou qualquer outro modelo de equipamento convencional ou controlador para DJs, sofisticado ou não, de qualquer fabricante. Quem aprende em equipamentos mais simples, como os modelos citados, têm maturidade, não se escoram em falsos conceitos nem em mitos, normalmente se adaptam rapidamente e tocam muito melhor em equipamentos sofisticados. Alguns iniciantes e / ou aprendizes, por falta de maturidade técnica profissional, por preguiça em pesquisar e / ou por se escorarem em mitos quanto a treinamento e aprendizado, têm o falso conceito de que precisam aprender a usar todos os modelos para atuar em cada um, porém são inúmeros os modelos.

Contando com modelos fora de linha, mas que ainda são encontrados em pequenos eventos e casas noturnas, somente a Pioneer hoje, possui 9 modelos de CDJ´s single: CDJ 100, CDJ 200, CDJ 350, CDJ 400, CDJ 800 (2 gerações), CDJ 850, CDJ 1000 (3 gerações), CDJ 900 e CDJ 2000, mais o MEP 7000 (Dual) e mais de 10 modelos de Mixers no mercado, dentre eles o DJM 2000, DJM-1000, DJM-5000, DJM 600, DJM 700, DJM 800, DJM 909, DJM 400, DJM- 350 e outros que já saíram de linha mas ainda estão no mercado. Além da Pioneer existem mais de duas dezenas de outros fabricantes de equipamentos para DJs, dentre eles a Denon, Numark, M-audio, Vestax, DJ Tech, Rane e muitos outros, cada um com vários produtos de diferentes portes e modelos. Nenhum equipamento para DJ é igual ao outro. Cada um possui diversas particularidades quanto a sensibilidade, recursos, funções e efeitos, mas os recursos e funções básicas e fundamentais para se atuar como DJ estão presentes em todos. Em outras palavras, assim como todo automóvel tem suas funções básicas, tais como, acelerador, freio e volante, todos os equipamentos para DJs também têm suas funções básicas. O que diferencia os mais "baratos" / simples dos mais "caros" / sofisticados, como disse logo acima são basicamente os recursos especiais, que muitas vezes são mal interpretados e mal utilizados pela grande maioria, inclusive renomados, mas principalmente pelos iniciantes com pouca ou nenhuma maturidade técnica, bom senso e coerência. Cada casa noturna, dependendo do porte e outros fatores, têm uma combinação de modelos.

Muitos dos DJs renomados e / ou bons de verdade têm um ou mais tipos ou modelos de equipamento em seu home-studio, o que mais gosta ou pode comprar, mas toca em vários clubes, boates e / ou eventos durante o ano em modelos e marcas variadas. Como disse anteriormente, para conhecer melhor os recursos, funções extras, efeitos e particularidades de cada equipamento pode também analisar os manuais dos mesmos, que podem ser encontrados gratuitamente no site de seus fabricantes e analisar também vídeos não oficiais disponibilizados por diversos colaboradores e os oficiais disponibilizados pelos próprios fabricantes. Caso tenha dificuldade com a língua, poderá encontrar apostilas / tutoriais / guias de referências explicativos das principais funções e recursos em nosso site. Após o treinamento adequado, para evitar vícios negativos, adquirir muita intimidade, habilidade, criatividade e saber usar com bom senso e coerência efeitos e recursos, o ideal é adquirir um equipamento com boa relação entre custo e benefício / recursos. Os controladores MIDI / USB para DJs são os equipamentos que oferecem o melhor custo X beneficio. Existem modelos que possuem uma enorme quantidade de recursos por uma fração do preço de um equipamento convencional, com basicamente os mesmos recursos é funções. Se deseja utilizar recursos específicos de determinado equipamento poderá comprá-lo e treinar, porém, apesar de algumas técnicas se tornarem desconfortáveis usando somente o mouse, muitos efeitos, recursos e técnicas, podem ser treinados até em softwares profissionais para DJs somente com o mouse, ou seja, sem um controlador, gerando bons resultados, não tanto quanto os gerados utilizando um bom controlador mas se for dedicado, disciplinado, tiver bom senso, coerência e maturidade poderá com este recurso superar muitos aventureiros oportunistas.

Aprender a ser DJ é como aprender a dirigir. Quem aprende, desenvolve as principais habilidades, reflexos, sensibilidade e percepção de forma adequada, dirige bem de verdade quanto a funções e recursos fundamentais, se adapta rapidamente e dirige qualquer modelo de automóvel, sem a necessidade de fazer aulas especiais em cada modelo que existe. Em outras palavras, sendo extremista, se dirige bem de verdade um Fusca, com certeza se adaptará rapidamente, dirigirá muito melhor um Gol e melhor ainda um Passat CC, Mercedes, BMW ou qualquer outro automóvel de qualquer marca. Assim como um motorista bom de verdade, quem realmente domina a música de ouvido, não tem necessidade de fazer cursos para aprender a usar outros modelos de equipamentos, pois os controles, recursos e funções fundamentais são basicamente os mesmos. Quanto ao motorista, o mais difícil é desenvolver a percepção sensorial visual e os reflexos, já no caso dos DJs algumas das coisas mais difíceis de serem construídas são a percepção sensorial e reflexos auditivos quanto a música. Porém é possível desenvolver estas habilidades em alguns poucos dias através de um treinamento adequado, com exercícios e técnicas eficientes, bem direcionadas e monitoradas por um DJ realmente especializado em treinamento. Domine a música de ouvido com o equipamento que possuir ou puder comprar, pois por mais simples que seja, com certeza como muitos dos melhores DJs do mundo, que também começaram com equipamentos simples, rapidamente terá um bom ouvido, habilidades e facilidade em se adaptar fácil e rapidamente a qualquer equipamento de qualquer marca.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Validação *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Link to my Facebook Page
Link to my Youtube Page