Dicas, cursos, tutoriais, artigos, análises e críticas relacionadas a todo universo DJ

Uncreative place

www.uncreativeplace.com.br

Um espaço com visual e conteúdo jovem

Após alguns anos escrevendo como colaboradora para alguns blogs, Bianca Caroline, uma jovem estudante apaixonada por livros, filmes, séries, músicas e várias outras artes, resolveu criar seu próprio espaço na grande rede e em Agosto de 2016 começou a disponibilizar artigos, análises, críticas e indicações de arte em geral.

DJs e produtores mal preparados e imaturos

DJs e produtores mal preparados e imaturos

Devido a preguiça de estudar, se preparar adequadamente, ao uso inadequado de tecnologias e devido também a mitos e falsos conceitos, as novas gerações de DJs e produtores, estão ficando cada vez menos criativos, sem conteúdo / conhecimento, sem cultura musical e consequentemente estão ficando extremamente imaturos e mal preparados principalmente mental (intelectual / emocional) e sensorialmente (auditivamente). Hoje a grande maioria dos DJs e produtores, não tem conhecimentos e habilidades que poderiam, aliás, que deveriam ter. A maioria dos que se destacam só conseguiram uma boa posição por serem oportunistas. 

É fácil perceber a falta de preparo da maioria. Para isso basta analisar as três últimas décadas, a “evolução”, “tendências” musicais e a evolução dos DJs. Verá que a maioria dos “profissionais” prefere tomar os caminhos mais “fáceis” a caminhos mais inteligentes.

Se for um DJ de pista, é muito fácil perceber quem é bom de verdade ou não. Não precisa tanto, mas se quiser basta assistir três ou quatro apresentações dele (a) consecutivas, analisar o perfil do público, sua sequência / set musical e o comportamento / reação, a expressão das pessoas, do público / pista. Fazer o mesmo com outros três ou quatro DJs da mesma especialidade e por fim cruzar os dados / informações. O (a) DJ que fizer maior parte do público dançar, se divertir por mais tempo, será o (a) melhor do grupo que analisou. Como digo em outros artigos, quem quiser pode facilmente superar a maioria  rapidamente.

O pior, é que ser bom de verdade é fácil e rápido com treinamento adequado mas, como dito acima, muitos se escoram em falsos conceitos, mitos, fazem mau uso de tecnologias e tem preguiça em se preparar da forma adequada. Para finalizar, infelizmente não é só no mercado da música que ocorre este problema. A maioria dos profissionais de diversas atividades, inclusive ligados a saúde, são mau preparados, imaturos, se escoram em tecnologias, falsos conceitos e mitos, o que é uma vergonha em qualquer atividade. Somente analistas e críticos bem preparados para minimizar estes problemas.

RGT:2010

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Validação *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Siga-nos
Link to my Facebook Page
Link to my Rss Page
Link to my Youtube Page