Dicas, cursos, tutoriais, artigos, análises e críticas relacionadas a todo universo DJ

Uncreative place

www.uncreativeplace.com.br

Um espaço com visual e conteúdo jovem

Após alguns anos escrevendo como colaboradora para alguns blogs, Bianca Caroline, uma jovem estudante apaixonada por livros, filmes, séries, músicas e várias outras artes, resolveu criar seu próprio espaço na grande rede e em Agosto de 2016 começou a disponibilizar artigos, análises, críticas e indicações de arte em geral.

Promoters imaturos e mal preparados

A falta de compatibilidade dos eventos X públicos

Existem muitos promoters competentes e preparados, porém exatamente como acontece no mercado DJ, muitos são aventureiros e oportunistas. Em outras palavras, não têm um mínimo de conhecimento, preparo adequado, maturidade técnica profissional, bom senso, coerência, não conhecem / não sabem classificar os diferentes tipos de públicos / eventos, ritmos, os diferentes tipos / especialidades de DJs, e conseqüentemente não sabem compatibilizá-los com o evento / casa / festa. A grande maioria dos promoters, assim como muitos outros tipos de profissionais, em especial os DJs, se guia por mitos e falsos conceitos. Muitos têm um “cadastro”, uma agenda com um monte de endereços de e-mail, mas não o administra corretamente.

Quanto aos DJs, a maioria dos promoters quer moleza. Muitos querem que os DJs tragam seu público pois não sabem reconhecer um talento e compatibilizá-lo ao seu evento. O DJ pode sim, e até deve, levar seus seguidores se já os tiver, para ajudar a bombar ainda mais, porém divulgar e encher o evento são funções e obrigações dos promoters, organizadores e responsáveis pelo evento. Caso contrário, o que ele fez? Um promoter bom de verdade sabe escolher e compatibilizar os DJs com o seu público / evento / festa / casa, mas infelizmente a grande maioria não tem esta habilidade. Imagine se um DJ que viaja para todo lugar tiver que se preocupar em levar seu público?
Para fazer um trabalho muito bem feito, assim como o DJ, o promoter deve trabalhar com o que gosta e encontrar seu público, composto por quem gosta do que ele gosta. Deve escolher o DJ que lhe agrade e convidar pessoas que tenham um perfil / personalidade próximo ao seu. Se for um promoter mais técnico, racional, imparcial, sem interferência pessoal / emocional deve tomar muito cuidado, deve ter um bom conhecimento sobre comportamento de público, uma lista muito bem organizada de DJs e de tipos de públicos. Promover eventos sem gostar muito do estilo pode levá-lo (a) a cometer erros gravíssimos quanto às compatibilidades citadas neste material. Este tipo de trabalho é mais difícil do que quando se trabalha só com o que gosta, quando público, DJs e evento têm seu jeito, sua personalidade. O ideal é evitar se aventurar, trabalhar com tipos de eventos que não tenham sua personalidade / perfil e / ou atirar para todo lado, pois a curto prazo isso pode até gerar um dinheirinho, mas a longo prazo pode queimar o nome e / ou impedir que construa uma identidade / personalidade técnica profissional. Para moldar uma identidade e tornar seu nome referência e “sinônimo” do que faz, do seu trabalho, o ideal é se especializar em determinado tipo de evento. Se for mais de um, que sejam tecnicamente próximos.
Os eventos devem ser melhores classificados e apresentados / divulgados, para que cada um procure o que realmente gosta – seja música clássica, eletrônica, popular brasileira, axé, underground, mainstream, comercial ou qualquer outro tipo, gênero, ritmo, estilo, época, pois assim, cada pessoa escolheria / buscaria o seu rumo na noite, ou seja, buscaria o que quisesse ouvir e / ou dançar. Mas infelizmente a maioria dos promoters só sabe imitar, têm preconceitos, se baseiam em falsos conceitos e quase todas as casas e / ou eventos da cidade são muito parecidas, não têm personalidade própria. Sem falar nas “misturebas” sem coerência.
Na realidade, nas grandes cidades, como a maioria das capitais do Brasil, deveriam haver casas noturnas e eventos para todo tipo de público. Deveriam haver casas e eventos ecléticos, especializados em apenas um ritmo e até casas especializadas em apenas um estilo que possua público suficiente para manter a casa. Existem diversas possibilidades, como por exemplo, algumas casas terem eventos, noites e / ou ambientes especializadas em diferentes ritmos e / ou estilos, dentro do seu perfil. Com mais opções de diversão todos ganhariam, pois mais pessoas sairiam para se divertir, cada um do seu jeito, tornando a cidade mais animada, divertida e até mais segura. Em se tratando de diversão, o Rio de Janeiro no final da década de 80 e início da década de 90, tinha muito mais opções do que na primeira década deste milênio. A cidade tinha muito mais movimento quanto a casas noturnas e shows. Vejam exemplos de New York e São Paulo onde há eventos dia e noite para quase todos os gostos / “tribos”.
Para se tornar um bom promoter deve fazer um estudo, observar e analisar o comportamento do público em relação às músicas e aos DJs. Deve também buscar conhecer o gosto dos presentes em sua lista, pois existem diversos perfis, podendo montar vários tipos de públicos / eventos. Conhecendo os principais perfis de sua lista poderia convidá-los de forma mais acertada, evitando conflito entre públicos de perfis muito distintos entre si, quanto à música, tipos de eventos e outros. Isso contribuiria com o sucesso do evento, com a formação do seu perfil / personalidade / identidade profissional e com sua credibilidade em relação a quem você convida. Deve buscar ser criativo e inovador, mas com coerência e bom senso.
Querer impor, forçar de forma artificial que as pessoas curtam o que elas não curtem, não funciona. Para ser um bom promoter deve tirar por si próprio. Deve também procurar enxergar o seu evento com uma visão mais crítica, pela ótica de quem será convidado / seu público, para poder compatibilizar tudo de forma mais adequada e precisa.

Este assunto é muito longo e eu poderia até escrever um livro, mas infelizmente este não é o meu foco. Porém neste site, poderá encontrar material que ajudará a expandir seu conhecimento e maturidade técnica profissional como promoter.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Validação *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Link to my Facebook Page
Link to my Youtube Page