Dicas, cursos, tutoriais, artigos, análises e críticas relacionadas a todo universo DJ

Uncreative place

www.uncreativeplace.com.br

Um espaço com visual e conteúdo jovem

Após alguns anos escrevendo como colaboradora para alguns blogs, Bianca Caroline, uma jovem estudante apaixonada por livros, filmes, séries, músicas e várias outras artes, resolveu criar seu próprio espaço na grande rede e em Agosto de 2016 começou a disponibilizar artigos, análises, críticas e indicações de arte em geral.

Freqüências / Tons

Os sons normalmente são formados basicamente por combinações de várias freqüências (tons) sonoras, volumes, durações e efeitos naturais ou artificiais, que geram outras freqüências e volumes  em torno do som principal. Portanto, os principais parâmetros do som são as freqüências, volume / intensidade, duração e efeitos. Se não houvesse os tons e somente o volume variasse, todo som seria igual. Seria como se enxergássemos somente em preto e branco e variasse apenas a luminosidade, brilho da imagem, ou seja, os barulhos dos carros, a voz humana, a explosão, teriam o mesmo som variando apenas o volume / intensidade. Felizmente na visão temos cores, e estas se tornam infinitas devido à infinidade de combinações entre tons. Seguindo exemplo da visão, a audição é também privilegiada por poder perceber infinitos sons devido aos tons / freqüências. Os tons são formados pela velocidade das ondas acústicas / sonoras, que são conhecidas como freqüência. A freqüência depende da velocidade das vibrações por segundo da fonte geradora. Quanto mais agudo / “fino” o som maior a freqüência, ou seja, mais ondas por segundos, e quanto mais grave / “grossos” o som, menos ondas por segundo. A freqüência é medida em hz (hertz). As freqüências audíveis pelos humanos estão aproximadamente entre 20 e 20.000 Hz, variando de uma pessoa ou de um momento para outro, dependendo de diversos fatores como idade, distúrbios, sensibilidade e ou cansaço auditivo. Freqüências abaixo de 20hz são conhecidas como infra-sons e não são audíveis, e as freqüências acima de 22000hz, até uma determinada freqüência, só são ouvidas por alguns animais como gato e cães.
Teoricamente podemos ouvir aproximadamente 22000hz de freqüências, tons puros, sem misturas e efeitos. Se compararmos dois sons com freqüências muito próximas é praticamente impossível perceber a diferença entre eles. É basicamente como na visão, que podemos não perceber a diferença de dois tons muito próximos de uma mesma cor.
Para facilitar a manipulação das freqüências na área musical, as freqüências audíveis pelos humanos foram divididas em grupos, estes grupos são conhecidos como bandas. Para equalizar / equilibrar a sonoridade das músicas uma em relação à outra os mixers para DJs, por exemplo, costuma ter equalizadores de três bandas, a das freqüências graves, conhecidas também como baixas (low) que vão de 20 a 200hz e soam mais pesados, graves / grossos; a banda das freqüências médias que vão de 200 a 7000hz (mid) e a banda das freqüências agudas também conhecidas como altas (high) que vão de 7000 a 22000hz e soam mais agudo / “fino”. Os equalizadores de “ambiente”, podem ter até 50 bandas, ou seja, as 22000 freqüências são divididas em 50 bandas / “grupos” para promover um ajuste sonoro mais preciso em relação ao ambiente. Mesmo tendo capacidade de ouvir de aproximadamente 20Hz a 22000Hz, a audição humana é mais sensível, ou seja, tem mais facilidade em perceber os sons de médias freqüências (200 a 7000).

Hertz (hz)

Unidade de medida de freqüência de um fenômeno periódico, como a freqüência de um evento por segundo ou ciclos por segundo. Medem-se freqüências diversas, tais como das ondas sonoras, ondas de rádio e TV, abalos sísmicos e vários outros. É muito comum ouvirmos também Megahertz (MHz) e Gigahertz (GHz) em relação à velocidade de computadores, pois se mede a velocidade de alguns componentes como o processador, usando o Hertz / Hz (MHz e GHz).

1 KiloHertz (KHz) representa 1000 Hertz(Hz). Veja tabela abaixo para entender melhor.

1 KHz = 1000 Hz

1 MHz = 1000 KHz (ou 1.000.000Hz)

1 GHz = 1000 MHz (ou 1.000.000.000Hz)

Diferentes freqüências representadas graficamente

Diferentes freqüências representadas graficamente

 

Representei graficamente somente algumas freqüências baixas, pois quanto mais alta, mais difícil a representação gráfica impressa, e a partir de uma determinada freqüência, se torna impossível esta representação, pois na impressão aparecerá apenas um quadro escuro.

Hertz é um dos parâmetros de medida da qualidade sonora da música, de mídias de armazenamento, de muitos equipamentos, da captura, processamento e armazenamento de áudio.

 O som dos instrumentos musicais

Todo som produzido naturalmente é basicamente formado por várias freqüências. O som de um vidro quebrando começa com uma sonoridade e termina com outra quanto às freqüências e volumes / intensidades. Porém, por não prestar a atenção, percebemos apenas as freqüências e variações principais, mais nítidas e evidentes de um som. Os instrumentos musicais são criados devido a estas variações. Analise os gráficos abaixo de ondas de três instrumentos musicais de percussão e notas agudas e graves do piano e do violão. Observe a diferença das freqüências de cada nota e entre os instrumentos.

Bumbo_e_caixa

 

Prato

Ondas_violao_e_piano

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Validação *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Siga-nos
Link to my Facebook Page
Link to my Rss Page
Link to my Youtube Page