Dicas, cursos, tutoriais, artigos, análises e críticas relacionadas a todo universo DJ

Uncreative place

www.uncreativeplace.com.br

Um espaço com visual e conteúdo jovem

Após alguns anos escrevendo como colaboradora para alguns blogs, Bianca Caroline, uma jovem estudante apaixonada por livros, filmes, séries, músicas e várias outras artes, resolveu criar seu próprio espaço na grande rede e em Agosto de 2016 começou a disponibilizar artigos, análises, críticas e indicações de arte em geral.

O mau direcionamento quanto a tema, nível técnico e perfil dos participantes

4a. parte – Série: A baixa qualidade de eventos técnicos para DJs

O mau direcionamento normalmente faz com que pessoas que não conheçam nada, e pior, muitos com poucas condições financeiras, invistam em eventos como workshops, oficinas e / ou cursos inadequados as suas necessidades, objetivos, nível técnico, dentre outros, podendo assim sair do evento confuso, “sabendo menos do que quando entrou”, frustrado ou até mesmo como já disse, iludido. Aliás, muitos destes eventos não têm definição clara quanto a tema, assunto, nível técnico (básico, médio, avançado, completo / do básico ao avançado), público-alvo / indicado, dentre outras classificações importantes para um bom direcionamento e compatibilidade de interesses, objetivos, necessidades, nível técnico e maturidade. Com isso, o próprio evento também não tem ou não permite ter, foco e personalidade. Alguns eventos são tão mal elaborados que algumas “definições” só são colocadas nos últimos instantes. Muitos eventos são feitos sem estratégias, estudos, na base da tentativa e erro, ou seja, completamente de improviso. A coisa piora ainda mais se quem conduz o mesmo não é especializado em treinamento e os temas são mal definidos.

Dentre as várias falhas, a maioria dos organizadores de eventos técnicos escolhem mal os temas a serem abordados, trabalhados e / ou discutidos principalmente em relação ao público atingido por suas publicidades e / ou os classificam inadequadamente, fazendo com que pessoas incompatíveis com o tema ou teor de complexidade / nível técnico invistam de forma errada. Em outras palavras, não compatibilizam ou direcionam os eventos aos públicos adequados. Além dos temas, escolhem mal também a maioria dos profissionais que se apresentam. Apesar de renomados e de alguns profissionais serem realmente muito bons em suas especialidades, a grande maioria dos que ministram palestras, workshops, oficinas e dos que participam e / ou conduzem os debates, não têm um mínimo de preparo adequado para palestrar, promover treinamento e / ou debater. Com isso, nos workshops, cursos e / ou oficinas para DJs e / ou produtores são ensinadas técnicas inadequadas ao público presente, e pior, muitos apresentam técnicas e conceitos inadequados e / ou ineficientes para aprendizes e / ou iniciantes, o que possibilita o surgimento de vícios negativos, falsos conceitos e fazem com que se leve muito mais tempo para se amadurecer adequadamente do que o realmente necessário, além de frustrar, iludir muitos e de promover a prostituição comercial desrespeitando assim, profissionais sérios do mercado.

O mau direcionamento quanto a categorias / especialidades técnicas

Apesar de muitos destes eventos serem direcionados para DJs, seu foco é apenas para DJs especializados em alguns ritmos e estilos de música eletrônica, e muitas vezes o verdadeiro DJ na sua essência original é esquecido. A maioria das especialidades DJs não é representada, e muitas técnicas e conceitos apresentados e / ou discutidos não são adequados ou compatíveis com a grande maioria dos presentes. Aliás, apesar de ser enorme a fatia das outras categorias de DJs, a maioria dos produtos e mídias foca um mercado que é grande, porém ainda muito menor. Neste tipo de evento não se pode ter preconceito e para isso deve-se ter debates, discussões, produtos e representantes de diversas especialidades / “tribos”, já que o evento é para DJs. Caso o evento não seja híbrido, não seja para DJs no geral, deve ser mais bem classificado / definido pelos organizadores. Em outras palavras, se o evento é somente para DJs de algumas especialidades / categorias técnicas e / ou musicais, os organizadores de boa fé e bem intencionados devem deixar isso bem claro no seu site e em sua publicidade, para evitar que pessoas com outros interesses e objetivos invistam de forma errada.

Vs: 1.0 Pt: 04 de 05

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Validação *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Siga-nos
Link to my Facebook Page
Link to my Rss Page
Link to my Youtube Page