Dicas, cursos, tutoriais, artigos, análises e críticas relacionadas a todo universo DJ

Uncreative place

www.uncreativeplace.com.br

Um espaço com visual e conteúdo jovem

Após alguns anos escrevendo como colaboradora para alguns blogs, Bianca Caroline, uma jovem estudante apaixonada por livros, filmes, séries, músicas e várias outras artes, resolveu criar seu próprio espaço na grande rede e em Agosto de 2016 começou a disponibilizar artigos, análises, críticas e indicações de arte em geral.

Falta de estudos, pesquisas, investigação e planejamento adequado

3a. parte – Série: A baixa qualidade de eventos técnicos para DJs
Muitos eventos são criados sem nenhum estudo e planejamento adequado, simplesmente na tentativa e erro, sem técnica, totalmente na base da aventura, e por isso muitos destes eventos levam anos para realmente terem alguma qualidade e serem bons de verdade. Isso os que persistem, pois alguns não chegam a terceira edição por perder a credibilidade geral do mercado e não conseguirem mais patrocínio e apoio. Normalmente os primeiros não valem de forma alguma o preço que cobram. Na realidade alguns de graça ainda seriam caros como já disse anteriormente. Existem duas formas básicas para se montar um evento destes e garantir a qualidade, eficiência e sucesso real. Sem entrar em detalhes, uma seria fazendo um sério e minucioso estudo. Quanto aos detalhes e a outra forma deixarei para outra oportunidade.
É evidente a falta de estudo, pesquisa e investigação, pois em vários mercados existem excelentes referências e exemplos, e no mercado DJ há pessoas mais preparadas e adequadas tecnicamente para atuar nestes tipos de eventos do que os que atuam. Em um estudo, pesquisa e / ou investigação séria, seriam facilmente encontrados, entretanto, muitos organizadores preferem a tentativa e erro, e colocar pessoas despreparadas. A não ser que, como já disse, o objetivo seja justamente colocar pessoas “famosas /  populares”, por acharem que chama mais a atenção, mesmo que estes não possuam o preparo adequado, visando apenas atrair pessoas / clientes imaturos e sem visão para o evento. Os organizadores que se utilizam deste recurso, mostram serem tão imaturos profissionalmente que não vêem / enxergam que isso diminui significativamente a qualidade e eficiência do evento. É burrice colocar pessoas que não têm o preparo adequado para atuar neste tipo de evento, pois geram-se efeitos colaterais fatais. Em curto prazo pode até trazer lucros, porém, mais cedo ou mais tarde pode ficar evidente a falta de qualidade e a médio ou longo prazo, pode queimar completamente o nome dos envolvidos, inclusive patrocinadores, principalmente quando surgirem eventos concorrentes, promovidos por pessoas de visão que buscaram se preparar adequadamente para não se aventurar. Também pode ser ruim quando a mídia deixar de ser submissa e partidária, e sentir a necessidade e / ou quiser realmente crescer, amadurecer e começar a fazer o seu verdadeiro papel, o de informar, analisar, criticar e começar a apontar as falhas e deficiências do mercado de forma direta, visando contribuir com seu crescimento de forma adequada, eficiente e justa.
Como em qualquer outra atividade, eventos técnicos como os tratados aqui, mal elaborados e / ou ministrados por pessoas sem o preparo mínimo adequado / ideal para tal, como efeito colateral pode fazer com que seus organizadores, “instrutores” e palestrantes percam facilmente sua credibilidade no mercado.

Vs: 1.0 Pt: 03 de 05

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Validação *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Siga-nos
Link to my Facebook Page
Link to my Rss Page
Link to my Youtube Page