Dicas, cursos, tutoriais, artigos, análises e críticas relacionadas a todo universo DJ

Este canal tem foco em economia, jogo sujo geral e que caracteriza concorrência desleal e outros temas direta e indiretamente relacionados.

Uncreative place

www.uncreativeplace.com.br

Um espaço com visual e conteúdo jovem

Após alguns anos escrevendo como colaboradora para alguns blogs, Bianca Caroline, uma jovem estudante apaixonada por livros, filmes, séries, músicas e várias outras artes, resolveu criar seu próprio espaço na grande rede e em Agosto de 2016 começou a disponibilizar artigos, análises, críticas e indicações de arte em geral.

Os efeitos colaterais refletidos em patrocinadores e parceiros de quem joga sujo

Artigo 31 da série: Jogo sujo e concorrência desleal

Muitos dos que jogam sujo, promovem concorrência desleal, prejudicam o mercado, atividade, não percebem ou não se importam; mas ao jogar sujo estão colocando em risco além da sua própria, a reputação e credibilidade também de parceiros, apoiadores, patrocinadores e outros direta e indiretamente ligados a eles. Com isso, os atos, ações de quem joga sujo podem, mais cedo ou mais tarde, refletir e prejudicar todos ao seu redor, sendo estes limpos ou não.
Mesmo que os ligados a quem joga sujo provem que não sabiam, que não faziam parte do jogo sujo, o estrago já estará feito e terá perdido pelo menos parte da credibilidade, reputação, confiança do mercado, e claro, dos clientes / consumidores. Sendo assim, em muitos casos levará tempo para reconquistar a confiança do mercado. Após conquistar novamente a credibilidade, reputação, devido a antecedentes negativos, qualquer coisa, por menor que seja poderá abalar novamente a confiança porém de forma mais significativa, dificultando ainda mais uma nova reconquista. Concluímos então que o preço por estar do lado de aventureiros, oportunistas, sem conhecimento, preparo real, e que por isso jogam sujo para entrar, se destacar e ou se manter em um mercado, pode ser muito mais alto do que se imagina. Apoiar, patrocinar, se aliar a aventureiros, oportunistas pode custar muito caro.
Deve evitar se arriscar ao apoiar, patrocinar, entrar em uma parceria, vincular seu nome ao de alguém, alguma marca; deve estudar, analisar e mensurar atos e ações daqueles com os quais está se envolvendo.
Muitos apoiam, fazem parcerias com quem joga sujo e sabem mas não se importam, normalmente porque também jogam sujo; neste caso os riscos são dobrados e mais cedo ou mais tarde um pode trair o outro pois nenhum é sério, tem ética.
Infelizmente alguns dos pouquíssimos sérios, éticos que existem, por ingenuidade, sem perceber se aliam a aventureiros, oportunistas que jogam sujo, que tem boa lábia para convencer os ingênuos.
De qualquer forma, quando algum aventureiro, oportunista, antiético, inconsequente é desmascarado, os efeitos colaterais negativos costumam ecoar e atingir pelo menos aqueles mais próximos. Se estes não se distanciarem imediatamente e não souberem se defender, certamente terão grandes perdas.

Outros artigos da série:
Jogo sujo e concorrência desleal


 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Validação *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Este canal está sendo reestruturado e tem foco em temas ligados à inteligência, arte, ciência, tecnologia, comportamento e outros.


Em nosso podcast falaremos sobre inteligência e comportamento, jogo sujo e concorrência desleal, algumas artes, ciências, esportes, sobre economia e outros temas.

Quanto aos anúncios

Ao clicar no anúncio, possivelmente sairá de nossa página. Se pretende permanecer no artigo / site deve clicar no anúncio com o botão direito do mouse e selecionar abrir em nova aba / guia ou janela.

 

Atenção

Não nos responsabilizamos pela qualidade dos produtos e serviços anunciados. Os anúncios são selecionados e divulgados automaticamente pelo mecanismo do Google Adsence de acordo com sua navegação e vários outros fatores / critérios. Não temos nenhuma ligação com os fornecedores / prestadores de serviços.